Fibromialgia_MTC_ABACO

Fibromialgia e Fadiga Crônica, e a MTC como Tratamento

A Medicina Tradicional Chinesa (MTC) pode ser usada no Tratamento da Fibromialgia e Fadiga Crônica.

A Fibromialgia é uma síndrome dolorosa generalizada e crônica. É caracterizada por dores musculares difusas, presença de pontos dolorosos específicos e, frequentemente, é acompanhada de distúrbios do sono, fadiga e cefaleia crônica, rigidez matinal de curta duração, parestesia, sensação de edema (inchaço), estados depressivos, ansiedade e distúrbios intestinais, como a síndrome do cólon irritável.

Devido a incapacidade funcional resultante dos sintomas de dor e fadiga, essa patologia tem grande impacto na qualidade de vida dos pacientes e seus familiares.

Cerca de 2 a 8% da população adulta sofrem com fibromialgia. Da população atingida, entre 80 a 90% dos casos são mulheres com idade de 30 e 50 anos.

Causas da Fibromialgia


As causas da fibromialgia ainda são desconhecidas, mas existem vários fatores que estão associados a esta síndrome:

  • Genética: é muito recorrente em pessoas da mesma família, o que pode ser um indicador de que existem algumas mutações genéticas capazes de causar a síndrome;
  • Infecções por vírus e doenças autoimunes também podem estar envolvidas nas causas da fibromialgia;
  • Distúrbios do sono, sedentarismo, ansiedade e depressão também podem estar ligados de alguma forma à esta síndrome.

Na visão da MTC, as doenças são avaliadas através da diferenciação de síndromes, ou seja, o conjunto de sinais e sintomas determinam quais órgãos e/ou vísceras estão energeticamente alterados no organismo gerando os desequilíbrios físicos e emocionais dos pacientes.

Para MTC a fibromialgia se manifesta por padrões de deficiência e excesso, em geral combinando esses padrões, podendo comprometer a pele, os músculos e, em casos agudos, os meridianos e, nos crônicos, os tendões, músculos, órgãos e as emoções.

A fibromialgia, na visão da medicina tradicional chinesa, é considerada uma Síndrome de obstrução dolorosa, significando obstrução do fluxo de Qi (energia vital) e Xue (Sangue) nos órgãos, Canais de Conexão-luo (“rede” de canais superficiais que fluem em todas as direções) e Canais Musculares ou Tendinomusculares (Jing- Jin – localizados entre tendões, músculos, articulações e pele).

A MTC vê nessa obstrução a causa da dor. Quando o fluxo de Qi e Sangue nos órgãos e canais são bloqueados, a dor se manifesta. Este bloqueio pode ser ocasionado por trauma, condições de excessos como infecção e inflamação, ou condições de deficiência como imunossupressão. A fibromialgia também pode ser gerada pelas emoções, quando vivenciadas por tempo prolongado.

O que pode causar a Fibromialgia?

Os principais fatores etiológicos na fibromialgia, segundo a MTC, são:

  • Invasão de fatores patogênicos externos (Umidade, Vento e Frio)
    • Umidade: é a mais comum. Deriva da exposição ao clima ou ambiente úmido. Penetra pelas pernas atingindo a parte superior, estabelecendo-se no espaço entre a pele e os músculos (Cou li) causando dor muscular generalizada e sensação de peso nos membros ou na cabeça onde pode causar cefaleias, dor facial, memória debilitada, dificuldade de concentração e sensação de entorpecimento na cabeça.
    • Vento: pode invadir Cou li, além dos próprios músculos, provocando contração e dor errante, que se move de um lugar a outro, de um dia para o outro.
    • Frio: pode invadir os músculos provocando contração e combinar com a Umidade causando dor mais intensa que os anteriores.
  • Tensão Emocional: O estresse emocional prolongado, raiva, culpa, vergonha, medo, preocupação, tristeza ou pesar levam à estagnação de Qi, gerando tensão muscular que compromete os músculos dos ombros e pescoço, contribuindo para a dor muscular da fibromialgia.
  • Dieta irregular: Consumo excessivo de gordura, frituras, laticínios e doces, comer tarde da noite, pular refeições, etc. afetam o Baço (Pi) gerando mais Umidade (fator patogênico principal da fibromialgia).
  • Trabalho físico excessivo: Provoca deficiência do Baço (Pi), Rim (Shen) e Fígado (Gan), resultando em cansaço e problemas digestivos, vontade de deitar, sensação de frio, membros frios, dor na região dorsal inferior, formigamento dos membros, tontura, tinidos, menstruação escassa, entre outros sintomas.

O que fazer se for diagnosticado?

A fibromialgia é uma doença crônica com múltiplos fatores e sintomas, exigindo tratamento complexo. Portanto, é recomendado aos portadores tratamento multidisciplinar, visando contemplar os vários segmentos e setores afetados e melhorar a qualidade de vida.

Há grande consenso entre os autores e os profissionais sobre os benefícios da MTC no tratamento da fibromialgia, através da:

  • acupuntura
  • moxabustão
  • eletroacupuntura
  • fitoterapia
  • auriculoterapia
  • ventosas
  • entre outras.

Vários trabalhos científicos atuais concluíram a eficácia dessas terapias na diminuição dos sintomas da fibromialgia podendo ser uma excelente opção de tratamento coadjuvante, auxiliando o tratamento padrão mundialmente reconhecido, pois oferece melhora da dor, do sono, do controle emocional. Promove a homeostase e a auto cura levando ao aumento significativo na qualidade de vida desses pacientes.

Interessado em aprender sobre MTC?

Entre em contato com a gente, e comece hoje mesmo sua Formação em Acupuntura. Temos modalidades de estudo presencial e online!

Gostou deste artigo?

Veja mais Notícias sobre MTC aqui.

Acompanhe o nosso Instagram e assista lives semanais.

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email